Do Outro Lado do Balcão

maio 22, 2008

TODA A CARAVANA DE PUTAS TEM UM MOTORISTA

Filed under: Fantasias reais ou realidade fantástica,Felicidade,Protesto! — O Balconista: @ 09:28

Tem gente que não se enxerga mesmo, né?

Explico.

Basicamente o homem médio tende a trabalhar mentalmente com as seguintes máximas: “a galinha do vizinho é sempre mais gostosa que a minha” e “o pior sempre acontece comigo”.

Pois bem.

A moça que escreve sobre bundas e buracos, ali ao lado, resolveu mudar de foco e contou sobre um episódio, que reputo verídico, de sua vida.

Disse a gentil senhora que foi a organizadora da caravana de putas que animou os comensais na Santa Ceia, após terem eles se refestelado de pão e vinho. Tudo isso para justificar um simples problema de cancelamento de senha na internet e um péssimo atendimento do HelpDesk da empresa provedora do serviço.

Penso que este exemplo se encaixa perfeitamente nas máximas que transcrevi no início deste post, pois quer ela fazer crer que é a mortal mais infeliz do planeta, ou, de outra maneira, que Murphy lhe dá uma atenção toda especial no quesito “como estragar meu dia feliz”.

Tem dó, né, “fia”?!

Tal ato é, até que se faça prova em contrário, uma demonstração clara de egoísmo e auto-penitência sem precedentes e para lá de desnecessária.

Minha senhora! Por favor, olhe para os lados e perceba que existem problemas maiores que o seu. Imagine que há pessoas que não tem os braços e nem por isso deixam de ter coceira no cu, ou nem por isso vão deixar de limpar a bunda.

Veja bem. Você tem um namorado lindo, gente boa, bem sucedido, que gosta de sexo, professor universitário e que te ama e faz quase tudo por você, e você ainda fica reclamando?

Veja o meu caso, por exemplo. Resolvi me apaixonar por uma gentil donzela que:

a)     reside a mais de 400 quilômetros da minha residência;

b)     é uma advogadazinha recém formada, que tem a nítida sensação de que é gente;

c)      possui uma mãe que odeia, eu disse odeia, pessoas que “provém da internet”, e que moram longe da casa dela porque são todos um bando de malucos;

d)     não tem solidariedade para com o próximo;

e)     tem um coraçãozinho negro, duro e pequeno;

f)        os ex-namorados dela residem na mesma cidade, e eu aqui, a mais de 400 quilômetros, pensando que todos devem ser canonizados por não tentarem tirar uma casquinha de uma morena estonteante;

g)     tem uma amiga que é bruxa e vive tentando costurar o meu nome nos lábios de um anfíbio anuro obeso;

h)      vez por outra furta minhas roupas íntimas para enterrar em algum lugar que eu prefiro não saber;

Isso só para falar o mínimo!

Voltando, agora ao “mi mi mi” da cafetina organizadora da caravana de putas, pergunto: As meninas eram gostosas? Fogosas? Os comensais tiveram que pagar alguma coisa pelos “serviços prestados” ou aquilo foi um mero gesto de caridade? Algum dos apóstolos teve sífilis? Gonorréia, talvez?

Enquanto isso não for respondido, fico por aqui, buzinando dentro da van para ver se as meninas voltam logo dessa “tal Ceia”, de tal sorte que eu possa levá-las de volta para casa, ainda a tempo de pegar o jantar da patroa bem quentinho.

Mas fiquei pensando uma coisa… Como é que é que ela vai me pagar esse frete?

O Balconista.

Anúncios

2 Comentários »

  1. Pois é… vim eu aqui verificar a qualidade e em que condições sanitárias se encontra este balcão de pé sujo.

    A máxima “dize-me com quem andas que te direi quem és” faz juz no seguinte trecho: “Por favor, olhe para os lados e perceba que existem problemas maiores que o seu. Imagine que há pessoas que não tem os braços e nem por isso deixam de ter coceira no cu, ou nem por isso vão deixar de limpar a bunda.” Bunda e cu no mesmo parágrafo é mais que uma evidência do tipo de gente que vc anda se aconchegando. Ok… faço parte desse grupo tb! hehe Então… tá adicionado na minha listinha de blogs amigos.

    É um balcão de pé sujo, mas é gente boa! Não parece… mas é! 🙂

    Beijo!

    Comentário por A Bruxa — maio 22, 2008 @ 13:23 | Responder

  2. É bom que ele escreva uma coisa dessas pras pessoas poderem ver o que é que eu sofro…

    tsc tsc tsc.

    Comentário por Lívia — maio 27, 2008 @ 19:12 | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: